Pensamento estratégico

Data de pulbicação: 28 de Março de 2017 às 00:46


Pensamento estratégico


Planejar não significa pensar estrategicamente ... Pensar estrategicamente é estar apto a condensar o propósito e os diferenciais do seu negócio em uma simples proposição ... O pensador estratégico dedica-se a reinventar constantemente o futuro, criar novos nichos de mercado e questionar o próprio paradigma vigente.

As pequenas empresas possuem propriedades e competências diferentes das grandes empresas e, portanto, necessitam de técnicas e práticas de gestão concebidas para resolver os problemas típicos de pequenas empresas. As pequenas empresas exigem um modelo de gestão que consolide o dirigente como o ator central que direciona, organiza, motiva e decide.

Planejamento estratégico não é pensamento estratégico. Planejar não significa pensar estrategicamente. O planejamento estratégico é a programação sistemática de estratégias que já existem. O plano é desenvolvido para suportar estratégias já formuladas pelo pensamento estratégico e integra-las ao negócio. Por outro lado, o pensamento estratégico é um processo de síntese que utiliza intuição, experiência e criatividade para fomentar inovações e imaginar novos futuros capazes de redefinir a empresa. Nesse sentido, o propósito do pensamento estratégico é descobrir estratégias inusitadas que possam reescrever as regras do mercado e imaginar potenciais futuros significativamente diferentes do presente, já o propósito do planejamento estratégico é operacionalizar as estratégias anteriormente concebidas por uma outra configuração do pensamento.

Planejar está sempre associado a submeter um problema à análise. Isso envolve decompor um conjunto de intenções e escolhas, formalizar as atividades de trabalho para que a execução seja automatizada e articular as consequências e os resultados de cada uma dessas etapas. O perigo do planejamento estratégico reside na tentação de supor que ideias criativas, capazes de desafiar as referências vigentes, possam surgir da análise prescritiva convencional. Portanto, o plano pode ser visto apenas como um desdobramento consciente de estratégias prévias, entretanto, uma mudança estratégica efetiva não requer rearranjar as categorias existentes, mas sim inventar conceitos novos e autênticos.

O pensador estratégico dedica-se a reinventar constantemente o futuro, criar novos nichos de mercado e questionar o próprio paradigma vigente. Desse modo, descobrir e se comprometer com novas estratégias que reescrevam a dinâmica do mercado exige, pelo menos em parte, um desprendimento da sabedoria convencional e do entendimento comum sobre a indústria. Pensar estrategicamente envolve vislumbrar uma série de futuros potenciais e desafiar os pressupostos operacionais existentes nos quais as estratégias atuais são construídas.

Aprender pensar estrategicamente significa consolidar um processo de aprendizagem que forneça o conhecimento necessário para direcionar as pessoas conforme o contexto social exigir e ser capaz de propor os meios de diferenciação da empresa frente à concorrência. Pensar estrategicamente é estar habilitado a articular o discurso que torna a empresa única para o mercado. Pensar estrategicamente é estar apto a condensar o propósito e os diferenciais do seu negócio em uma simples proposição. O pensamento estratégico é a articulação do conhecimento para inovar e encontrar novas e diferentes imagens sobre o que a empresa deseja para seu futuro.

O planejamento estratégico é a prática de gestão adorada e celebrada pelas grandes empresas simplesmente porque é a ferramenta adequada às suas necessidades. Nas pequenas empresas, as estratégias não se formam como planos e, por isso, a aplicação das técnicas administrativas utilizadas pelas grandes empresas é temerária e requer cautela. Nesses termos, é imprescindível respeitar a natureza das pequenas empresas centrada no dirigente e, simultaneamente, entender os mecanismos de coordenação que a organização exige. Isso significa buscar impulsionar o pensamento estratégico em conciliação com o planejamento estratégico. De certa forma, não se pode deixar de perceber que pensar estrategicamente é ser capaz de manejar a escada da abstração conforme necessário, conseguir subir alto para imaginar futuros surpreendentes e saber quando descer a fim de se aprofundar nas implicações operacionais.

Sua mensagem foi enviado com sucesso!. Muito obrigado!